Fale conosco

O que vc está procurando?

Márcia Piovesan

Famosos

Samara Felippo se emociona ao não conseguir abraçar as filhas

Samara Felippo - Crédito: Reprodução / Instagram
Samara Felippo - Crédito: Reprodução / Instagram

Após as filhas testarem positivo para Covid-19, Samara Felippo isola as meninas e chora ao ter que ficar longe: ‘Angústia infernal’

A atriz Samara Felippo ficou emocionada ao desabafar sobre sua vontade de abraçar as filhas, Alicia e Lara, que estão isoladas em seus quartos após teste positivo de Covid-19. A artista contou que está angustiada em não poder acolher as herdeiras neste momento delicado.

“Indo pro quinto dia da Lara e terceiro da Alícia. Hoje não parei um minuto, limpei casa, elas me chamam o dia inteiro. É uma angústia infernal ver as duas trancadas no quarto“, afirmou ela.

Assim, Samara Felippo contou que uma das coisas que mais sente é de poder abraçar as filhas e já está pensando em uma solução para isso. “Estou pensando em fazer um abraço no plástico. Sou muito louca? Vou fazer uma cortina de plástico pra abraçar elas. Acabei de chorar durante uma hora seguida. Quando eu paro, eu choro. Não sei nomear que sentimento é esse. Mas vamos lá: um dia de cada vez”, finalizou.

Desabafo

No último final de semana, Samara Felippo desabafou sobre o diagnóstico das filhas. “O dia todo [de máscara] PFF2 em casa. Estou vivendo por irresponsabilidade alheia tudo o que lutei para me proteger nesses dois anos”, disse Samara em um stories no Instagram. “Eu vivo o dia inteiro assim (de máscara) e ela só tira a dela quando tá sozinha no quarto, quando vai comer”, disse ela, quando mostrou a filha jantando sozinha.

Então, a artista deu mais detalhes sobre o estado da herdeira: “A gente passou pelo primeiro dia de confinamento, porque estamos lidando com o vírus diretamente. A Lara pegou a Covid e não foi por mimEu vou seguir forte. Estou cuidando da minha filha e me protegendo, cuidando de mim, porque não vou pegar e não quero pegar. Ela está bem, sem sintomas nenhum. O mais difícil agora é entreter e prender uma criança de 8 anos num quarto”, revelou.

“Hoje, eu, a Alicia e o Elidio testamos. Eu e o Elidio ainda demos negativo, mas Alicia positivou. É isso mesmo, agora estou com duas crianças com Covid dentro de casa”, declarou. “Obrigada aos responsáveis. Como pode né? Eu que nem sequer as deixava ir para escola”, completou.