Fale conosco

O que vc está procurando?

Márcia Piovesan

Famosos

Ex-ministro da saúde afirma que festa feita por Carlinhos Maia pode ser classificada como ‘crime sanitário’

Humorista pode ser investigado por crime sanitário após promover festa com centenas de convidados em meio à pandemia

Carlinhos Maia
Carlinhos Maia - Crédito: Reprodução / Instagram

Ex-ministro da saúde, Alexandre Padilha, revelou que a festa promovida por Carlinhos Maia, onde houve centenas de convidados em meio a pandemia do novo coronavírus, foi fonte de infecção da doença.

Nesta última sexta-feira, 25/12, através do Twitter, Padilha disse que o humorista pode ser responsabilizado por crime sanitário.

“Confirmada a relação entre fonte de infecção e evento. É uma irresponsabilidade sem tamanho. E dependendo de quais eram as regras sanitárias locais estabelecidas, pode sim ser classificado como um crime sanitário”, escreveu ele na rede social.

Recentemente, também, o colunista Erlan bastos revelou que 47 funcionários que prestaram serviços na festa do influencer, foram diagnosticados com Covid-19 e 2 deles estão internados na UTI.

Vale lembrar que a festa polêmica ocorreu em Lagoas, onde Carlinhos reuniu famosos e familiares.