Fale conosco

O que vc está procurando?

Márcia Piovesan

Bastidores

Glória Maria e o inverno na Noruega

Jornalista mostra no Globo Repórter, os desafios de enfrentar o frio intenso e o vento gelado no país

Na segunda parte da viagem à Noruega, Glória Maria encara as dificuldades do rigoroso inverno do país - Globo/Divulgação

Os termômetros estão em queda no Brasil, mas nada que se compare ao rigor do inverno da Noruega, como mostra o Globo Repórter de hoje, dia 19, que é o segundo programa sobre a viagem de Glória Maria ao país. A jornalista mostra que é raro ver a luz do sol durante seis meses e que o forte vento exige esforço para se manter de pé.

Mesmo usando meios de transporte adequados, as motos ‘snowmobile’, a locomoção sobre a neve é difícil. E o que fazer para se divertir com temperaturas que chegam a 40 graus negativos? Esquiar é sempre uma boa opção, ao lado da pescaria, outra tradição do país. “Para quem não está acostumado, uma das maiores dificuldades é encontrar a roupa certa para enfrentar o frio intenso. Os noruegueses dizem que não existe frio excessivo, mas sim uma roupa errada”, conta Glória Maria.

O inverno transforma a paisagem símbolo do país: os fiordes, formações geológicas esculpidas pela natureza ao longo de dois milhões de anos. Glória Maria visita um deles, o Narrow, patrimônio mundial da humanidade. Em um passeio de barco elétrico pelo ponto turístico, a repórter encontra um casal do Nordeste brasileiro deslumbrado com tanta beleza.

Glória Maria ainda entrevista o príncipe Haakon, um jovem apaixonado por esportes e pelo Brasil. Ela também enfrenta uma tempestade de vento, atravessa um lago congelado e visita Berg, conhecida como a cidade das sete montanhas e considerada a mais bonita da Noruega.