Gênesis: Record lança nova superprodução bíblica

Nova novela da Record estreia nesta terça-feira, 19/01, e trará história com sete fases
Noé solta a pomba em cena da novela Gênesis, da Record
Noé solta a pomba em cena da novela Gênesis, da Record
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

A novela Gênesis estreará nesta terça-feira, 19/01, a partir das 21h, e promete encantar o público com uma superprodução, que contou com elenco gigante, muitos efeitos especiais e figurinos deslumbrantes.

A história foi dividida em sete fases: Criação, Dilúvio, Torre de Babel, Ur dos Caldeus, Abraão, Jacó e José. E foi escrita por Camilo Pellegrini, Raphaela Castro e Stephanie Ribeiro, com direção geral de Edgard Miranda.

SUPERPRODUÇÃO

A novela contou com mais de 250 atores e os efeitos especiais vão atrair os olhares dos telespectadores nas primeiras fases da novela, como nas cenas com a arca de Noé, o dilúvio, a queda de Lúcifer e a destruição de Somoma e Gomorra.

Para a gravação da novela, a Record e a produtora Casablanca construíram oito cidades cenográficas, com 11 mil metros quadrados, oito estúdios exclusivos para a novela, 66 cenários e 98 ambientes. “Até o capítulo 11, a gente tem uma quantidade de efeitos especiais absurda: a gente tem a queda de Lúcifer, a gente tem o Éden, a Torre de Babel, a Arca de Noé, então, assim, todos esses cenários envolvem muitas computações gráficas”, disse o diretor Edgard Miranda.

A história foi gravada em alguns locais diferentes, como Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Paraná e Marrocos. E o diretor promete levar uma linguagem cinematográfica para a TV.

“Nosso referencial, realmente, é cinematográfico. Todo mundo, os diretores, consomem filmes e séries. Então, nosso referencial é esse. O espectador vai ver uma linguagem muito mais de série. A ideia era fazer melhor e, com certeza, o resultado que o público vai ver no ar é algo que nunca foi visto antes”, declarou Edgard Miranda.

Outro atrativo da novela é o acervo de figurino. A equipe do figurinista Severo Luzardo produziu cerca de 25 mil peças para todas as fases da história. Alguns acessórios e peças vieram de Marrocos e foram tratadas pela equipe, como um processo de envelhecimento.

Uma curiosidade da novela é que os atores só começam a usar roupas depois que Adão e Eva comem a maçã. “Nessa hora, eles se tornam pessoas mundanas e aparece a vergonha e a necessidade de cobrir o corpo. O fato de ter a vergonha faz com que eles peguem a primeira indumentária, que é tramada com folhas e se cubram. Depois, eles ganham uma pele de cordeiro. E, a partir daí, vão se criando as vestimentas desse período, com couro, cipós e peles”, contou Severo Luzardo.

Outro look que vai fazer sucesso é o figurino de Lúcifer (Igor Rickli). “Foram 12 tentativas até chegar no resultado final. O destaque está no colete bordado em fios de ouro e a cor de 12 pedras preciosas que a gente teve que colocar, pois é uma coisa bíblica. Foram precisos 45 dias para bordar manualmente toda a peça”, disse Severo. O personagem ainda teve suas asas criadas com computação gráfica.

Confira as fotos de algumas cenas de Gênesis:

Cenas da novela Gênesis, da Record
Cenas da novela Gênesis, da Record
Cenas da novela Gênesis, da Record
Cenas da novela Gênesis, da Record
Cenas da novela Gênesis, da Record

Veja mais

Últimas Notícias