Fale conosco

O que você está procurando?

Márcia Piovesan

TV

Se Joga, Fabiana Karla!

Atriz se torna apresentadora e a estreia é hoje a tarde na Globo

Fabiana Karla estreia hoje no 'Se Joga'
Fabiana Karla estreia hoje no 'Se Joga' | Foto: Globo/Paulo Belote

Fabiana Karla é daquelas que chegam com a energia lá em cima, detalhe que consagrou a atriz ao longo de sua trajetória no teatro e na televisão. A partir de hoje, dia 30, ela vai estar no ar todos os dias no programa Se Joga, ao lado de Érico Brás e Fernanda Gentil. 

Em entrevista à CGCOM (Central Globo de Comunicação), Fabiana Karla enfatiza: “É desafiador? É. Posso virar o primeiro meme do programa? Posso. Vou me divertir da mesma forma! ”

O público conhece muito o seu trabalho no humor e como atriz. Como é essa chegada na apresentação?

Fabiana Karla: Eu encaro com muita força de vontade, com muita alegria, porque sempre fui uma pessoa que gostei de me comunicar. Sempre tive vontade de passar para as pessoas o que estou vendo, o que estou assistindo, dar dicas. Estou tentando fazer a persona Fabiana. Eu sempre fui encarada com caracterização, com bigode, com peruca. Então, dessa vez, não deixa de ser desafiador, mas é uma delícia. É um reconhecimento e uma oportunidade que eu vou encarar com unhas e dentes.

Como tem sido essa experiência na prática? Você acha que o humor também está te ajudando a estar ali na condução do programa?

FK: Acho que nesse momento, estou puxando mais a minha inteligência emocional e observando mais. Fernanda, por exemplo, é uma ótima escola, uma ótima comunicadora, uma pessoa que veio do esporte, do ao vivo. O Érico também tem uma espontaneidade muito importante. Eu venho da comédia, em que o tom é outro. Então, é um terreno no qual estou me aventurando. Mas vou seguir sempre sendo bem-humorada, porque quem tem bom humor tem um dia sempre bom.

O que o público pode esperar do Se Joga?

FK: Uma diversão muito grande no momento em que a galera vai estar ali no sofá, almoçando, querendo ver o que está acontecendo: as notícias, os bastidores. Acho que vai ter muito bom humor, mas também notícias de uma forma mais descontraída. Acho que as “famosidades” também vão vir quentes, os games vão ser divertidos. Vai ser um programa gostoso para garantir a tarde e acho que todo mundo vai curtir muito.

Já tem um assunto ou um quadro com que você se identifique mais?

FK: Gosto muito das dicas de moda. E os quadros de humor, né? O Paulo Vieira, o Adnet, o Jefferson. Todo mundo vai estar divertindo muito a gente. Acho que vai ser muito bacana. E também acho que todo mundo gosta de uma fofoquinha. Dar uma bisbilhotada na vida dos famosos não faz mal para ninguém. 

Como está sendo a parceria com o Érico e com a Fernanda?

FK: Primeiro que já tem um ponto muito alto entre a gente porque Fernanda é o nome da minha irmã. Então, já estou me sentindo em casa. Sempre admirei muito o trabalho dela, o humor dela. Ela tem uma comunicação incrível, fala muito bem ao vivo, tem muito astral. Com o Érico, eu já trabalhei na ‘Escolinha’, no ‘Zorra’ e também no ‘Popstar’. Então, estou me sentindo em casa, muito bem como numa família. Em tão pouco tempo a gente já está se divertindo e tem uma energia muito boa que, com certeza, vai passar para quem está em casa. Nós nos recebemos de braços abertos e acho que esse trio está muito gostoso.

Como tem sido a relação com a plateia dentro do estúdio?

FK: Sou uma pessoa de plateia, porque sou de teatro. Então, isso para mim já é uma constante, um hábito que sempre gostei. Vai ser uma diversão a mais. É um termômetro maravilhoso para a gente, porque a plateia ajuda a gente fazer esse programa. Sou uma pessoa nordestina, venho da cidade do repente. Isso está no meu sangue, então, consigo trabalhar bem no ao vivo. Eu não sinto essa diferença do ao vivo e do gravado. Eu, sinceramente, faço sempre tudo como se tivesse no palco do teatro, ao vivo. Então, não tem muito mistério para mim. É desafiador? É. Posso virar o primeiro meme do programa? Posso. Vou me divertir da mesma forma.

Considerando que é um programa de atualidades, que fala sobre o que está quente no momento, como está sendo a sua rotina e como você planeja daqui para frente?

FK: De manhã, já vou de olho nas redes sociais para ver o que está acontecendo. Então, acho que faz parte da minha rotina saber o que está acontecendo em volta de mim até para poder somar para o programa. A gente tem também essa liberdade de trazer pautas e sugerir, o que é bem interessante. Eu sempre fiz isso nos bastidores. Sugiro algo para outros programas, afinal de contas, a gente tem um olhar apurado. Eu ia nos programas dos outros e sem querer me metia um pouco. Acho que alguém disse: “vamos dar uma oportunidade para ela. ”

Eu adoro rotina. E, ultimamente, tenho tido muito pouca rotina. Então, eu acho que isso vai ser uma coisa muito gostosa porque a gente tem um horário, que a gente já sabe como funciona. Tenho que acordar, tomar meu café, ler tudo o que vai acontecer no programa. Saio de casa, chego lá no programa, a gente tem a reunião. E, depois disso, tem caracterização e a reunião de toda a equipe. Então, estão dando um suporte maravilhoso para a gente. É o natural. Eu já fiz programa ao vivo e é só uma questão de disciplina, de empenho, de prestar atenção em toda a pauta, desenvolver bem com cada dica, com cada editoria que vai ter no programa. Como a gente faz numa novela, em que a gente tem que estudar o texto direitinho, mas aqui vamos contar com os imprevistos que acontecem, porque é um programa ao vivo.