Fale conosco

O que vc está procurando?

Márcia Piovesan

Novelas

Rodrigo Lombardi analisa ‘Carcereiros’

No último episódio da série, Adriano fica dividido entre o nascimento do filho e uma confusão dentro do presídio

Adriano ( Rodrigo Lombardi ) e Janaína ( Mariana Nunes ) foto: Globo/Ramón Vasconcelos

Hoje, dia 30, vai ao ar o último episódio da segunda temporada de Carcereiros e Adriano (Rodrigo Lombardi) vai ficar dividido, mais uma vez, entre a vida pessoal e a profissional. Desta vez, ele tem que escolher entre controlar a situação na Penitenciária Filinto Prates, causada pela greve de funcionários, ou vivenciar o nascimento de seu filho com Janaína (Mariana Nunes).

O líder dos carcereiros tenta negociar com o Choque dentro do presídio para manter as visitas aos detentos e conseguir as mudanças pedidas pelos funcionários do presídio, sem que ninguém seja exonerado do cargo por causa da greve.

Além disso, Adriano tem que lidar com a prisão de Tibério (Othon Bastos) e Sol (Samantha Schmütz), que são surpreendidos pela polícia. E, ainda, com a viagem surpresa de Lívia (Giovanna Rispoli), que está disposta a tudo para encontrar a mãe.

O ator Rodrigo Lombardi, intérprete do protagonista Adriano, faz um balanço de mais essa temporada e observa:

“’Carcereiros’ me ensinou muito sobre até onde o ser humano pode chegar e por quais caminhos nosso pensamento pode nos levar. Pude aprender sobre a esperança, numa série sobre a falta dela, e também sobre educação, respeito, política, civilidade e ética.”

A segunda parte do episódio ‘Um Homem de Família’ fecha a segunda temporada da série escrita por Fernando Bonassi, Marçal Aquino e Dennison Ramalho.