Fale conosco

O que vc está procurando?

Márcia Piovesan

Famosos

Romero Britto se pronuncia após vídeo viralizar e rebate: ‘Querem ficar famosos às custas dos outros’

Artista quebrou o silêncio sobre vídeo de 2017, onde mulher quebra uma de suas obras de arte e o acusa de maltratar funcionários no restaurante

Romero Britto se pronuncia após vídeo viralizar e rebate: 'Querem ficar famosas às custas dos outros'. Crédito: Reprodução/Instagram

Romero Britto causou agitação nas redes sociais, após ter vídeo antigo viralizado, mas não ficou calado.

Neste sábado, 15/08, o artista surgiu no Instagram para se pronunciar pela primeira vez sobre a mulher que aparece nas imagens quebrando uma das obras na frente do artista. Além disso, ela ainda o acusou de maltratar funcionários em seu restaurante.

O vídeo do incidente ocorreu em 2017, no qual todos podem ver que fui vítima de uma pessoa que foi a uma de minhas galerias e quebrou uma obra de arte que havia ganhado. Uma peça pesada de porcelana que, ao quebrar em pedaços, poderia ter causado danos a mim, a ela e a qualquer outra pessoa no local“, começou ele em comunicado publicado nos stories.

Em seguida, ele continuou mandando uma indireta. “É lamentável, mas a integridade física das pessoas foi colocada em risco naquele momento. Infelizmente, há pessoas que querem ficar famosas às custas dos outros.”

Através da minha arte, meu propósito sempre foi o de levar alegria, amor e esperança a todos. Não admito desrespeito e jamais tive a intenção de desrespeitar alguém. A internet é muitas vezes injusta e as pessoas não estão preocupadas com a verdade. Gostam de confusão, drama, negatividade, de julgar sem analisar os fatos. Vou continuar minha missão de alegrar o mundo, que como nunca antes precisa de mais amor, felicidade, esperança e otimismo”, completou.

Sobre o vídeo

A mulher que aparece nos vídeos que circularam na internet esta semana, é a dona do restaurante Olé Olé and Tapelaria, de Miami.

O que chocou os internautas é que ela se revoltou com a atitude do artista em seu restaurante e foi até ele em uma exposição, pegou uma peça da coleção do artista que já havia comprado, e a destruiu após gritar com ele.

No vídeo ela fala que ele reservou vinte lugares no restaurante, mas pediu que parassem a música que tocava e não falassem com ele.