Fale conosco

O que você está procurando?

Márcia Piovesan

Famosos

Kelly Key suspeita sobre causa de câncer de pele e afirma: “Acredito que não tenho mais nada”

A cantora disse que acredita que não tenha mais que passar por procedimentos e revela que doença pode ter sido provocada aos 15 anos

Kelly Key suspeita sobre causa de câncer de pele e afirma: "Acredito que não tenho mais nada". Crédito: Reprodução/Instagram

Na tarde desta segunda-feira, 18/05, Kelly Key surgiu no Instagram para tranquilizar os seguidores sobre o diagnóstico de câncer de pele, revelado semana passada. Além disso, ela aproveitou para falar sobre os procedimentos que passou após descoberta e o que acredita ser a causa da doença.

Em um longo texto, a cantora de 37 anos disse que se submeteu a alguns tratamentos para reverter o caso. “Gente, nesta última semana eu falei bastante com vocês sobre o câncer de pele. Para quem não sabe, fiz 3 pequenos procedimentos (em 3 momentos diferentes). Em novembro do ano passado fizemos apenas uma pequena biópsia de uma lesão da face próxima ao nariz (um pequeno pedaço para sabermos o diagnóstico). Em fevereiro deste ano retiramos essa lesão, pois o resultado mostrou malignidade (câncer) pouquíssimo agressiva (confirmado até com imunohistoquímica), mas precisei retirar a lesão”, começou.

“Aproveitamos para fazer uma ‘varredura’ tanto no rosto quanto no corpo… Nesse dia, retiramos mais 4 lesões: outra na face e outras 3 lesões pelo corpo. Faz algumas semanas que tivemos o resultado dessas 5 biópsias (aquela primeira que eu descobri, ainda tinha bordas laterais comprometidas, sem lesão profunda, e retiramos essas bordas). A outra do rosto era pré cancerígena e das 3 do corpo, uma era pré cancerígena e as outras duas não tinham malignidade).”

Entretanto, apesar dos tratamentos, ela acalmou os fãs que temiam por sua saúde. “Acredito que já não tenho mais nada e que mais nenhum procedimento seja necessário (hoje tirei meus pontos)! Mas os cuidados serão eternos e todos nós precisamos nos cuidar! Muitas pessoas sabem disso, mas preferem ignorar. Não ignore! Se cuide! Precisamos falar sobre o câncer de pele! E minha missão daqui para frente será essa!”, revelou a artista.

Câmaras de bronzeamento

Em seguida, a cantora passou a falar sobre a doença e suas possíveis causas. “Você sabia que o câncer de pele corresponde a 25% de todos os diagnósticos de câncer no Brasil? O Instituto Nacional do Câncer (INCA) registra, a cada ano cerca de 135 mil novos casos”.

“A radiação ultravioleta é a principal responsável pelo desenvolvimento destes tumores e a maioria dos casos está associada à exposição excessiva ao sol ou ao uso de câmaras de bronzeamento (acredito que este tenha sido o meu caso, pois fiz uma boa quantidade de sessões entre meus 15 e 20 anos)”, revelou.

E continuou com alguns dados: “As câmaras de bronzeamento aumentam em 75% a chance de ter câncer da pele quando a exposição ocorrer antes dos 30 anos de idade. Pode causar duas vezes mais câncer da pele do que tomar sol no período mais forte do dia?!”.

Ao final, ela aproveitou a publicação para se pronunciar contra as câmaras de bronzeamentos, que são proibidas pela Anvisa desde 2009.

“Mas sabemos que também existem locais ilegais espalhados por todo país! Todos que ignoram essa determinação e continuam apenas pensando no seu bolso, são também cúmplices dos efeitos desfigurantes que o câncer de pele pode deixar nas pessoas, alguns levando à morte”, finalizou.