Fale conosco

O que você está procurando?

Márcia Piovesan

Bastidores

Márcia Goldschmidt fala de período difícil no SBT

Márcia Goldschmidt dá entrevista para o programa A Noite é Nossa, da Record - Crédito: Record / Divulgação
Márcia Goldschmidt dá entrevista para o programa A Noite é Nossa, da Record - Crédito: Record / Divulgação

Márcia Goldschmidt faz rara aparição com as filhas gêmeas e relembra quando foi colocada na geladeira do SBT: ‘Eu tinha vergonha de sair na rua’

A apresentadora Márcia Goldschmidt gravou uma entrevista para o programa A Noite é Nossa, da Record, e relembrou o sucesso na TV na época do SBT e também a decisão de abandonar o trabalho na telinha.

Assim, para começar, ela relembrou os altos índices de audiência do seu programa na década de 1990. “O povo era o protagonista, o povo era o artista, né? E isso fez o sucesso do programa. As pessoas assistiam e falavam assim: ‘Sou eu ali, Márcia’ , ‘aquele é o meu vizinho’”, disse ela. 

Portanto, o sucesso foi enorme e ela chegou a ser convidada para ir para a Globo. “Ele me fez uma proposta e perguntou: ‘Quem vem com você?’. No voo [do Rio de volta para São Paulo], eu comecei a ter uma dor e desci já desmaiando do avião. Tive uma crise renal”, relembrou.

Mas o contrato não foi assinado porque Silvio Santos melhorou suas condições no SBT. “Um carro do SBT foi me buscar e eu entrei na sala do Silvo ainda com o soro na veia, foi cena de cinema. Ele falou: ‘Quanto você ganha aqui no SBT?’. Eu falei: ‘Ah, Silvio, eu tenho minha carteira’. E ele: ‘Como? Você não tem contrato com o SBT?’. Ele tocou pro RH e caiu a cabeça de um diretor. Na hora, mandou chamar um advogado e aí fez um contrato muito bom”, afirmou. 

Tristeza no SBT

No entanto, Márcia Goldschmidt não ficaria no auge no SBT por muito tempo. Ela foi colocada na geladeira da emissora e ficou muito triste. “Foi um ano em que eu tinha vergonha de sair na rua. Porque as pessoas me perguntavam: ‘Márcia, por que você não tá mais no ar?’ , ‘Márcia, eu gosto tanto do seu programa’ , e o que eu ia responder? Eu não sabia responder. E também procurava essa resposta pra mim mesma. ‘O que aconteceu?’ , ‘que mal eu fiz?’ , ‘o que eu fiz pro Silvio?’ , eu não sei. Fui vivendo esse um ano de ostracismo e fui entrando em uma depressão profunda”, afirmou. 

Saída e retorno à TV

Pouco tempo depois, a apresentadora saiu do SBT e teve passagens pela Gazeta e pela Band antes de decidir abandonar a TV de vez. “Na época em que tomei a decisão de deixar a televisão foi porque eu não estava feliz. Estava faltando alguma coisa na minha vida e eu não sabia dizer o que era. Então, decidi largar tudo. Foi uma decisão muito difícil. Mas depois de tudo o que passei, acredito que a minha missão de vida era ter essas filhas. E essas filhas chegariam através de Portugal, entende?”, afirmou.

Nos últimos anos, Márcia dedicou sua vida aos cuidados com as filhas gêmeas Yanne e Victoria, já que uma delas foi diagnosticada com uma doença rara no fígado e só melhorou após passar por um transplante.

Tanto que, hoje em dia, a comunicadora faz planos de voltar à TV. “Eu posso dizer que fiquei fora do mundo durante sete anos. Foi o período que dediquei a salvar a vida da minha filha. Agora é que eu começo a botar o nariz para fora. Posso fazer tudo agora”, disse, por fim.

Márcia Goldschmidt com as filhas gêmeas no programa A Noite é Nossa, da Record - Crédito: Record / Divulgação
Márcia Goldschmidt com as filhas gêmeas no programa A Noite é Nossa, da Record – Crédito: Record / Divulgação